11-3741-0199 | 11-99615-7778
contato@institutouniao.com.br

Regressão de Memória | Perguntas Frequentes

Regressão de Memória | Como Funciona | O que pode se tratar | Objetivos | Perguntas Frequentes | Videos

A regressão de memória é um processo seguro?
Sim. Quando o(a) terapeuta tiver uma formação e uma postura adequada com relação ao cliente, o processo é totalmente seguro, trazendo ótimos resultados para o cliente.

Qual a diferença entre hipnose e regressão?
Hipnose é um dos métodos que pode ser utilizado para se chegar à uma regressão de memória. Existem outros métodos como meditação e técnicas de respiração. A regressão é o processo de trazer a mente consciente as interpretações de processos vivenciados no passado.

Somente psicólogos podem realizar uma regressão?
Não. Qualquer terapeuta que tenha formação em Regressão de Memória pode realizar uma sessão de regressão. Até o ano de 2000, os psicólogos no Brasil eram proibidos de utilizar a regressão de memória e a hipnose em seus consultórios por imposição do Conselho Federal de Psicologia.

Ficarei inconsciente durante a regressão?
Não. Você estará totalmente consciente durante todo o processo, podendo até interromper o processo. Não acredito em reencarnação e vidas passadas.

Como a regressão de memória pode me ajudar?
Você não precisa acreditar em reencarnação ou vidas passadas, ou estar ligado à religião para obter resultados pela processo de regressão de memória. A regressão é um meio eficaz para alcançar uma melhor compreensão ou um determinado estado interno para integrar algum obstáculo, bloqueio ou desafio que esteja limitando sua vida hoje. Não importa se o que você lembrou ou vivenciou tenha realmente acontecido daquela maneira. O que importa é o efeito através de uma nova compreensão, estado interno e/ou postura que tem diante daquilo que te limitava ou incomodava.

Existe o risco de “não voltar” de uma regressão?
Não. Primeiro, porque o cliente “não vai” a lugar nenhum. O termo regressão é uma maneira de dizer que contactamos memórias antigas. São essas memórias que vem até presente. Por exemplo, você é capaz de lembrar-se do que comeu hoje ou ontem? Experimente fechar os olhos e trazer a imagem, o sabor, a temperatura do alimento, como se você estivesse saboreando-o de novo agora. Isso que acabou de fazer foi uma regressão. A diferença na terapia as memórias estão um pouco mais distantes e ainda afetam o seu presente de alguma maneira. Um outro termo mais específico que també pode ser utilizado é retrocognição.

As situações vivenciadas durante uma regressão realmente ocorreram?
Não há como saber se as situações vivenciadas durante uma regressão realmente ocorreram e se ocorreram exatamente da maneira que o cliente vivenciou. Elas podem ou não terem ocorrido da maneira que o cliente vivenciou. O fato da veracidade ou não da situação vivenciada não é importante para o trabalho terapêutico, pois se o cliente a vivenciou de determinada maneira, ela foi real para ele(a) ao ponto de até sentir sensações físicas e/ou emocionais durante o processo. As vivências ocorridas durante uma regressão são uma forma do insconsciente mostrar o padrão de como o cliente interpretou ou interpreta determinadas situações em sua vida no presente. Estas interpretações criam padrões de pensamentos, crenças e comportamentos que afetam direta ou indiretamente a sua vida no dia-a-dia.

Autores: Elaine Lilli e Saulo Nagamori Fong
Instituto União
https://www.institutouniao.com.br

Autorizado a reprodução em qualquer meio ou mídia desde que publicado na íntegra e com citação integral da fonte conforme o modelo acima.